Brazil Connections. Conectando os brasileiros no mundo.
Tuesday, December 12, 2017
Cultura

A Bienal Internacional de Curitiba

Abertura da Bienal Curitiba 2017 - Museu Oscar Niemeyer - Photo: irmãos Thoms copy 2
97Vizualizações

A Bienal Internacional de Curitiba

A Bienal Internacional de Curitiba tem esse ano a China como homenageada. É o maior evento (da categoria) da América Latina, reunindo 425 artistas nacionais e internacionais.

425 artistas nacionais e internacionais.

A Bienal Internacional de Curitiba, tendo a China como homenageada, é o maior evento da América Latina. Em 100 espaços distintos na capital paranaense, é apresentado o trabalho de 425 artistas nacionais e internacionais. Um dos espaços é o museu Oscar Niemeyer (MON), que, tendo 12 salas, a metade é dedicada à Bienal. As previsões são de que, até 25 de fevereiro 2018 (ultimo dia do evento) mais de 1 milhão de visitantes tenham passado para visitar a exposição.

Abertura da Bienal Curitiba 2017 - Museu Oscar Niemeyer - Photo: irmãos Thoms
Abertura da Bienal Curitiba 2017 – Museu Oscar Niemeyer – Foto: irmãos Thoms

Algumas obras chinesas

Caso você fotografe o tapete pelo seu celular, aparecerá um rosto. O arroz tradicional chinês, fica colorido em tela e o bicho da seda é um dos elementos importantes para realizar uma obra. Somente algumas coisas interessantes que você vai ver na Bienal.

A Bienal apresenta um crescimento desde a sua última edição e, também uma complexidade maior. Ou seja, Curitiba se ‘bienaliza’ durante esse período.

‘A Bienal é uma produção forte e intensas, não somente dos chineses mas de todos os artistas presentes nesse evento. Produção de qualidade que permite ter acesso a um panorama de arte contemporânea chinesa. É uma chance que deve ser aproveitada. O público terá uma experiência fascinante’ (palavras do Ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão durante uma visita ao evento).

Abertura da Bienal Curitiba 2017 - Museu Oscar Niemeyer - Photo: irmãos Thoms copy 2

O tema dessa Bienal é: ‘Antípodas, excesso de imagem’, envolvendo diversas atividades, inclusive a educativa. Ela faz referencia a dois polos extremos: China e Brasil e, mostra a diversidade, a oposição entre diversos mundos e a possibilidade de conexão.

O museu, que recebe cerca de 300 mil visitantes por ano, é o principal espaço da Bienal desde 2011, tendo a maioria das exposições se realizado graças à Lei Rouanet.

Intercambio Cultural

Com os esforços do governo, da sociedade civil e dos artistas, o intercambio cultural continuará cumprindo seu papel fundamental para orientar o entendimento e a amizade entre os dois povos através de plataformas como a Bienal de Curitiba. Com isso, será ainda mais consolidada a opinião publica em favor da cooperação bilateral e enriquecido o conteúdo da Parceria Estratégica Global entre as duas nações. (Li Jinhang Embaixador da China no Brasil)

Abertura da Bienal Curitiba 2017 - Museu Oscar Niemeyer - Photo: irmãos Thoms copy 2

Façamos nossas as palavras do Presidente da Bienal:
Que seja uma experiência de encantamento, questionamento e, sobretudo de aprendizado. Que a Bienal traga uma visão nova dos espaços e da realidade que já conhecemos tão bem. Que seja uma experiência para a vida. Que seja instigante e inspiradora. Bem vindos à Bienal de Curitiba 2017.

Assim que, caso esteja em Curitiba ou imediações até o dia 25 de fevereiro do ano que vem, vale a pena uma visita a Bienal.

Leave a Response

Translate »
error: Content is protected !!
%d bloggers like this: